Tag

Mercado de Luxo

Jóias e Relógios

Ralph Lauren cria coleção de jóias inspiradas no estilo Art Déco

O estilista Ralph Lauren sabe como ninguém atrair seu público-alvo com suas criações únicas e de extremo bom gosto. Dono de uma das marcas mais importantes do mercado de luxo e famoso por suas pólos com o pequeno pony como seu principal símbolo, o designer atua há anos em outras linhas de produtos que vão muito além de suas clássicas pólos e camisas, como suas criações de jóias de coleção limitada, linha black label e outras.

Leia mais

Mercado de Luxo, Moda e Acessórios, Negócios do Luxo

Versace inaugura em Milão boutique para o público infantil

Por Ricardo Ojeda Marins

Os pequenos consumidores da moda e acessórios ganham uma nova opção na hora de renovar seu guarda-roupa. A grife italiana Versace, comandada há alguns anos por Donatella Versace, inaugurou na capital da moda sua primeira loja exclusivamente dedicada ao público infantil – a Young Versace, cuja coleção foi apresentada no salão de moda Pitti Immagine Bimbo, em Junho deste ano em Florença.

São roupas e acessórios criados exclusivamente para recém-nascidos até crianças com a idade de 12 anos, contando com peças que seguem o estilo fashion da grife, como mamadeiras com cristais Swarovski, mini smokings para os meninos,  vestidos, camisetas e outros.

Localizada na Via Borgospesso, pertinho da loja Versace Home, vale destacar o seu interior que atrai, sem dúvidas, adultos e pequenos consumidores: toda lilás, a loja é decorada com imitações de doces gigantes, cadeiras confortáveis para descansar, e uma atmosfera que provoca o desejo de compra em qualquer criança. A Young Versace está próxima de outras grifes de prestígio, como Salvatore Ferragamo, Acqua di Parma e do luxuoso Hotel Four Seasons.

A grife italiana, que aos poucos vem se recuperando da crise que enfrenta desde 2008, não é a única a investir no público infantil. O estilista Alber Elbaz, da grife Lanvin, apresentou há apenas alguns dias sua primeira coleção infantil, a Lanvin Petite. Para celebrar, a grife Lanvin realizou eventos em Paris, Mônaco e Nova York. Outras grifes de luxo como Burberry, Ralph Lauren e Christian Dior também vem apostando em criações para o público infantil.

Aviação, Luxo no Brasil, Mercado de Luxo, Negócios do Luxo, Serviços de Luxo, Viagens e Turismo

Vôos customizados

Por Ricardo Ojeda Marins (Artigo publicado no site Gestão do Luxo da FAAP)

Cresce cada vez mais a busca por serviços de fretamento de aeronaves

Customização, privacidade e exclusividade. Talvez estes sejam alguns dos principais fatores que impulsionam o mercado de aviação executiva no Brasil. A economia de tempo e o tratamento personalizado proporcionados a passageiros de aviões privativos levam consumidores de alto poder aquisitivo a procurar esse serviço.

Enquanto as companhias de aviação comercial estão reduzindo custos e oferecendo menos opções de serviços, as empresas de fretamento de jatos, aeronaves e helicópteros investem na excelência de serviços e na customização. Desde modelos que comportam poucos passageiros a aeronaves de grande porte, essas empresas oferecem serviços que vão muito além da privacidade e exclusividade. Embarque e desembarque vip, facilidades nos aeroportos, economia de tempo por evitar filas comuns nas companhias aéreas são fatores importantes que levam consumidores de alto poder aquisitivo a utilizar esse serviço de alto luxo ao invés de vôos regulares.

A aviação executiva tem crescido a uma taxa anual de 7% no Brasil. Essa expansão pode ser explicada, em parte, pela busca dos consumidores de alta renda por conforto, privacidade, sofisticação e um serviço de bordo customizado. Outro fator fundamental é o aumento da renda do consumidor brasileiro da classe C, que possui um acesso cada vez mais facilitado às viagens aéreas. A demanda excessiva de passageiros na aviação comercial e a falta de investimentos em infra-estrutura justificam a crescente necessidade de evitar aborrecimentos como atrasos, cancelamentos, overbooking e filas nos aeroportos.

Além disso, executivos e empresários estão, cada vez mais, à procura de agilidade e flexibilidade para suas viagens de negócios, já que muitas cidades ainda não possuem vôos diretos com saída do Brasil. Evitar a perda de tempo com escalas ou conexões antes do destino final e customizar o trajeto de acordo com as próprias necessidades são as principais vantagens em optar pelo Private Jet. Quem viaja a trabalho leva em consideração o benefício de não ter que enfrentar a espera no check-in e a demora para retirada de bagagens.

Ainda que o serviço seja pra poucos, já que os preços são mais elevados, optar pela aviação executiva pode não ser apenas uma questão de luxo e conforto, mas sim de economia. Muitos negócios em grandes empresas podem depender da rapidez da viagem, e correr o risco de perder horas em aeroportos ou até mesmo por vôos cancelados pode acarretar prejuízos que façam valer a pena pagar pelo serviço de um jato privativo. Além disso, desperdiçar valiosas horas de trabalho ou diárias em hotéis pode representar um custo alto. Os custos de um vôo charter podem variar conforme o tamanho e a potência do motor do avião, tempo da viagem, distância e outros fatores, conforme a demanda do cliente.

O Brasil é hoje o segundo maior mercado de aviação executiva, atrás apenas dos Estados Unidos. De acordo com a Associação Brasileira de Aviação Geral (ABAG), a frota da aviação executiva brasileira possui cerca de 12.300 unidades no país e realizou mais de 830 mil vôos no ano passado. Atualmente há cerca de mil companhias dedicadas à aviação executiva no país, de acordo com a ABAG.

Interior de jato privativo da Líder Aviação: a companhia atua no fretamento e venda de aeronaves, helicópteros e outros serviços

Fundada em 1958, a renomada Líder Aviação é a maior empresa de aviação executiva da América Latina. Hoje está presente em mais de 20 aeroportos em todo Brasil, e conta com uma frota composta por mais de 80 aeronaves. Além do fretamento e gerenciamento de aeronaves, possui outras unidades de negócio, como venda e manutenção de aeronaves, operações de helicópteros, atendimento aeroportuário e outros. É hoje representante exclusiva da Hawker Beechcraft Corporation no Brasil, líder mundial em fabricação, design, vendas e suporte de produtos e serviços para aviação executiva. No fretamento de aviões, cada detalhe é minuciosamente cuidado por equipes altamente capacitadas. A partir da solicitação do cliente, são definidos e informados o melhor percurso, a aeronave mais adequada, tempo de vôo, serviço de bordo, infra-estrutura aeroportuária, oferecendo todo suporte para a execução de um vôo bem sucedido.

A britânica Chapman Freeborn também destaca-se por sua expertise em fretamento de aeronaves, com mais de 30 escritórios distribuídos em 5 continentes. Possui aeronaves executivas em nível nacional e global, com opções de aeronaves para passageiros particulares, grupos, empresas e também transporte de carga. A empresa oferece aviões fretados sob medida para conferências e grupos de incentivo, eventos especiais, lançamentos de produtos, equipes governamentais, configuração VIP de acordo com a necessidade do cliente, serviços de recepção em aeroportos, além de disponibilizar um gerente a bordo quando solicitado. Um de seus diferenciais é manter o responsável pela solicitação informado em tempo real sobre os detalhes de cada etapa do vôo, desde o encontro com os passageiros até o desembarque. Por não ser o operador, a Chapman Freeborn não fica restrita a determinadas aeronaves. Ela busca selecionar operadores e aeronaves de acordo com a necessidade de seus clientes, oferecendo as opções mais seguras e confortáveis para a satisfação dos passageiros.

Serviço de bordo customizado pela Chapman Freeborn: um dos benefícios e atrativos do fretamento de aeronaves privativas

A companhia aérea TAM, uma das principais companhias do mercado na aviação comercial brasileira, também está presente no segmento de aviação executiva. O fretamento na verdade faz parte do DNA da empresa, que nasceu com a prestação de serviços de táxi aéreo. Hoje sua unidade especializada em fretamentos dispõe de diversas aeronaves, desde a linha Citations até turboélices Caravan, com alcance de até 5800 quilômetros e autonomia de até 7 horas. A empresa também atua na venda de aviões e helicópteros, oferecendo a seus clientes produtos tailor made – estuda-se com detalhes as necessidades de cada cliente para proporcionar-lhe a aeronave mais apropriada ao seu perfil de utilização. Clientes TAM Aviação Executiva podem ainda desfrutar das Salas Vips equipadas com telefone, fax, internet, televisores, mesas para reunião e serviços exclusivos de copa e bar.

Exterior de aeronave da TAM Aviação Executiva: a companhia realiza fretamentos e venda de jatos, helicópteros e aeronaves

Interior de modelo de jato privativo TAM Aviação Executiva: capacidade para até 8 passageiros, ideal para uma viagem de família ou negócios

Clientes contam ainda com recepção VIP em aeroportos ou destinos específicos

Carros de Luxo, Mercado de Luxo, Moda e Acessórios, Negócios do Luxo

A extensão de marcas no segmento de automóveis de luxo

A legendária grife Ferrari, que também atua com moda e acessórios para homens, mulheres e crianças

Por Ricardo Ojeda Marins (Artigo publicado no site Gestão do Luxo da FAAP)

Desafios e cuidados ao expandir uma marca de luxo

Um dos maiores desafios para as marcas é manter seu contínuo crescimento. Aparentemente, uma das formas mais fáceis de mantê-lo seria através da introdução de novos produtos com a mesma marca e relativos à categoria de produtos da marca-mãe. Esta estratégia seria bastante óbvia e vencedora, não fosse tão complexa e desafiadora.

Camisetas Ferrari, jaquetas BMW, relógios Mercedes-Benz. Cresce cada vez mais o número de marcas de luxo – de segmentos como o de automóveis, moda e joalheria – investindo na produção de produtos de segmentos diferentes de sua atuação. Muitas delas, consolidadas e com prestígio, vem utilizando a estratégia de extensão de marca para ampliar a receita.

A estratégia consiste em estender a marca para uma nova categoria de produtos para atender a mesma base de consumidores, utilizando os mesmos canais de distribuição. Porém, no mercado com foco no consumidor AAA, novas categorias de produto só devem ser exploradas se estiverem alinhadas ao conceito da marca. Na prática, no entanto, muitas empresas estão desenvolvendo produtos mais acessíveis que serão vendidos em um número maior de pontos de venda, para atrair uma quantidade maior de consumidores. Porém, até que ponto uma marca de luxo pode ser ampliada para novas categorias sem arranhar o seu posicionamento?

Quando falamos em marcas de luxo, é preciso muita cautela ao optar pela expansão da marca. É imprescindível estar atento para não modificar a proposta de seu valor ao ampliar a acessibilidade e atrair um público bem diferente daquele que adquire, por exemplo, um automóvel Ferrari ou uma jóia Cartier. É necessário que haja um alto nível de relacionamento da marca como o público. Uma expansão realizada sem critério pode confundir o que a marca representa, diluindo seu valor. As extensões bem-sucedidas são as que permanecem, levando em conta o conceito original da marca.

Ícone do mercado de automóveis para o consumidor de alto poder aquisitivo, a Ferrari ampliou sua atuação para além do mercado de mobilidade. Hoje a montadora possui um mix de produtos em vários segmentos como perfumes, calçados, roupas e artigos em couro. Esta estratégia foi utilizada para dar nova dimensão à marca. A grife Ferrari é considerada um estilo de vida e toda sua comunicação e marketing foram focados em manter esse estilo. Peças de vestuário que levam o nome da legendária grife italiana podem ser encontradas em suas lojas próprias em diversas cidades dos Estados Unidos, Europa, Ásia, em lojas multimarcas ao redor do mundo e também no seu e-commerce. Porém, a excessiva variedade de produtos e uma distribuição não tão criteriosa foram, sem dúvida, prejudiciais à marca. A Ferrari passou a ser desejada por consumidores que estão longe de ser o público-alvo que a grife busca atingir. Diversos são os pontos de venda de seus produtos de vestuário e a acessibilidade em excesso torna-se um ponto negativo para o posicionamento da marca. Na cidade de Buenos Aires, por exemplo, a grife pode ser encontrada em um revendedor multimarcas no shopping Galerias Pacífico que está localizado no centro da cidade e não possui qualquer seletividade. Quando falamos em produtos de luxo, uma distribuição seletiva é condição essencial na gestão da marca, já que reforça a ideia de que bens e produtos prestigiosos não se encontram facilmente em qualquer lugar, e sim em locais escolhidos com cautela, em áreas nobres e freqüentadas pelo consumidor de alto poder aquisitivo.

Por outro lado, há casos de extensão de marcas de luxo para outras categorias de produtos que aproveitaram a oportunidade sem prejudicar seu posicionamento. Reconhecida por seu desempenho, segurança, conforto, requinte, durabilidade e por seus automóveis luxuosos e cobiçados ao redor do mundo, a alemã Mercedes-Benz prova que estilo e design fazem parte de seu DNA. A grife estendeu-se, há alguns anos, para muito além do mercado automotivo ao apostar na criação de peças de moda e acessórios que levam o seu nome. Desenvolveu itens destinados a homens, mulheres e crianças. São produtos clássicos e esportivos como camisetas, relógios, bonés, cachecóis e gravatas, que podem ser encontradas em lojas multimarcas ao redor do mundo e em seu e-commerce em países como Reino Unido, Austrália e Estados Unidos. Sua coleção especial de roupas e acessórios exclusiva para jogadores de golf mostra que a marca entrou para o mundo da moda mantendo sua preocupação com a excelência ao criar peças que atendessem a seu público exigente e com alto poder aquisitivo. A prestigiosa marca alemã faz-se presente no mundo fashion associando-se a eventos importantes do segmento: atualmente, a semana de moda de Berlim e Nova York levam o seu nome – Mercedes-Benz Fashion Week. É ainda patrocinadora oficial da Fashion Week de cidades como Paris, Londres, Miami, Cidade do México e Brisbane e também do GQ’s Best-Dressed List 2011, da revista britânica Gentlemen’s Quarterly, lista que reuniu os homens mais estilosos do Reino Unido.

Mercedes-Benz: a marca alemã atuante na moda com peças que vão do clássico ao esportivo

Ao entrar para o segmento de moda e acessórios a Mercedes atingiu, sem dúvida, o seu real consumidor, além de consumidores que não possuem seus automóveis, mas que admiram a marca e adquirem algumas de suas criações a preços considerados acessíveis. O preço de seus produtos pode variar de US$ 20 a US$ 500.

Não menos luxuosa e reconhecida por sua alta tecnologia aliada a design e sofisticação, a também alemã BMW é outro exemplo de grife que viu oportunidades de crescimento de suas unidades de negócio. Renomada por seus automóveis que são verdadeiras “máquinas”, vem atuando há algum tempo nas passarelas da moda.

A prestigiosa marca BMW: moda e acessórios para homens, mulheres e crianças

Sua grife BMW Lifestyle foca no público masculino, feminino e infantil. Camisetas, relógios, miniaturas de veículos, jaquetas em couro e bonés são algumas de suas criações. Seus artigos destacam-se pelo acabamento de alta qualidade e design, o que reflete totalmente o conceito BMW. Seus produtos não são apenas elegantes e de alto padrão, mas também extremamente confortáveis. Suas coleções podem ser adquiridas através de seu e-commerce nos Estados Unidos, Europa e em algumas de suas concessionárias. A grife alemã investe em produtos mais acessíveis como chaveiros e camisetas, bem como em produtos direcionados a um público seletivo, como jaquetas próprias para uso em esportes como ski ou ainda em acessórios para praticantes de golf. Sua política de preços faz com que a grife atinja não apenas o seu fiel cliente, assim como entusiastas da marca. Há peças acessíveis, como chaveiros vendidos a US$ 20, mochilas por US$ 80, mala para acessórios de golf por US$ 250 e outros.

Seguindo a tendência de outras montadoras de luxo, a britânica Lotus desenvolveu a grife de roupas Lotus Originals, inspirada no lifestyle da montadora. Suéteres de cashmere, jaquetas de couro e luvas de pelica, com inspiração na década de 1970 são alguns dos destaques de suas criações.  A coleção da Lotus teve seu lançamento no auge da temporada masculina da London Fashion Week. A estratégia utilizada pela montadora dará uma nova dimensão à marca, maximizando o seu alcance, proporcionando um ganho de mercado e oferecendo uma nova experiência ao seu consumidor. Atualmente suas peças podem ser adquiridas através de sua loja virtual. A grife tem planos de abertura de uma flagship para ainda este ano, que provavelmente será na região central de Londres.

Campanha da britânica Lotus, agora atuante no segmento de moda

A extensão de marca no segmento do luxo deve ser avaliada e estudada com rigor e só é válida se os novos produtos destinarem-se ao mesmo perfil de consumidor, seguindo o conceito de excelência, exclusividade e mantendo as mesmas políticas de preço, distribuição e comunicação seletivas da marca-mãe. Mesmo ciente de que seus novos produtos poderão atingir o consumidor aspiracional ao mercado de luxo, se a empresa já atua neste segmento e objetiva vender mais para um público maior, deve manter sua essência e principalmente proteger seu prestígio. Essa estratégia diminui os riscos e os custos, aumentando a cobertura de mercado e fortalecendo os valores e interesses pela marca.

Mercado de Luxo, Moda e Acessórios, Negócios do Luxo, Varejo de Luxo

Grife CH Carolina Herrera chega a Paris

Por Ricardo Ojeda Marins

A renomada grife CH Carolina Herrera chega a Paris. Após a inauguração de suas lojas em Londres e Nova York no ano passado, agora é a capital francesa que recebe as criações de moda da marca reconhecida por suas fragrâncias.

Sua localização não poderia ser melhor: Rue de Castiglione, no coração da cidade. A nova loja fica a alguns passos da Rue de Rivoli, Place Vendôme, grifes como Anne Fontaine, Hugo Boss e de hotéis de luxo como  Le Meurice e Hôtel de Crillon. A loja foi projetada para o cliente sentir-se em casa, com uma lareira em mármore, janelas em arco e piso em parquet, seguindo o estilo de sua loja-conceito da Madison Avenue, em Nova York.

Ali você poderá encontrar peças da coleção dedicada a homens, mulheres e crianças, além da linha de acessórios, peças sob medida e de edição limitada, como bolsas pintadas à mão. De acordo com a designer, a grife esperou anos para ter o local certo em Paris. “A  Rue de Castiglione foi a escolha perfeita, pois capta toda a magia da cidade, fazendo-me recordar das muitas vezes que lá estive”, diz Carolina.

A grife planeja para 2012 a abertura de novas lojas na América do Sul e América do Norte. Na América do Sul, CH Carolina Herrera já está presente no Brasil (Shopping Cidade Jardim), Argentina (Shopping Patio Bullrich), Venezuela e Colômbia.

CH Carolina Herrera

10 Rue de Castiglione

Telefone: +33 0 1 58 624 103

Imóveis

Mercado de imóveis de alto luxo no Nordeste do Brasil vive o seu melhor momento

Imóveis avaliados em milhões de reais mostram um novo retrato da riqueza da região.

Beleza natural, praias magníficas, sol e um clima propício a férias fazem da região Nordeste do Brasil, um dos ícones do turismo, atração para brasileiros e estrangeiros. Além do sucesso no turismo, a região vive um momento de comemoração em outro segmento: o de imóveis, que não se desaqueceu nem durante a crise. O mercado imobiliário de segunda residência de luxo – casas e apartamentos em resorts ou imóveis de veraneio – poderá viver um boom nas próximas décadas. De acordo com a ADIT Nordeste (Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Nordeste), há uma previsão de que cerca de 7.200 novas unidades fiquem prontas até 2014. Segundo pesquisa da Itacaré Capital Partners – empresa gestora de fundos de private equity – estrangeiros, principalmente os europeus, representam boa parte desse público, já que adquirem residências no Nordeste não apenas para usufruírem como turistas, mas também como forma de investimento, com expectativa de valorização imobiliária. “O preço por metro quadrado no Brasil é um dos mais baratos e tem ainda uma grande capacidade de valorização”, diz Pedro Miranda, sócio-diretor da Itacaré.

Dentre diversos empreendimentos imobiliários da região, vale destacar o Reserva do Paiva, que fica no Cabo de Santo Agostinho, em Pernambuco, a apenas 14 quilômetros do Aeroporto Internacional de Recife, junto a uma área da Mata Atlântica e diante de aproximadamente nove quilômetros de praia. Ele representa um novo retrato da riqueza desse mercado, com imóveis avaliados em milhões de reais e que são alvo de desejo do consumidor de alto poder aquisitivo. Foram investidos cerca de R$ 120 milhões pelos sócios do empreendimento. Inicialmente, a primeira fase do Reserva do Paiva esperava atingir futuros compradores europeus em busca de segunda moradia em lugares paradisíacos da região e que já alimentavam o turismo local. Investidores da Itália, Portugal e Espanha eram os de maior relevância para a empresa. Porém, com a crise que abalou principalmente a Europa e os Estados Unidos, os endinheirados do primeiro mundo tornaram-se escassos por ali. Por outro lado, a economia brasileira reagiu rapidamente aos impactos da crise mundial. Os negócios no Nordeste, que já iam bem, ficaram melhores ainda e 80% dos proprietários são pernambucanos que adquiriram o imóvel como moradia principal.

A primeira etapa do projeto é o Condomínio Morada da Península, composto por 67 casas, sendo 36 delas a beira-mar e 31 com vista para o mar, projetadas por arquitetos renomados como Henri Fournier, Acácio Gil Borsoi, Luiz Américo Gaudenzi, entre outros. Além de serviços básicos, o luxuoso condomínio busca proporcionar a seus moradores o máximo conforto e bem-estar com requinte, oferecendo spa, aulas de ioga, personal training, concierge, campo de golf, serviço de bar na área da piscina, entre outros.

Na planta, as casas, que foram customizadas pelos proprietários, custavam entre R$ 1,5 milhão e R$ 4 milhões, conforme a metragem e localização. Já no momento em que ocorreu a entrega das chaves das primeiras unidades, algumas delas foram avaliadas em R$ 7 milhões. A próxima etapa do projeto prevê o lançamento do condomínio Vila dos Corais, composto por seis edifícios residenciais com um total de 132 apartamentos, cujas áreas variam entre 237 e 491 metros quadrados, todos com vista para o mar e para a Mata Atlântica, e preços a partir de R$ 1,48 milhão, podendo chegar a R$ 3,4 milhões.

O Reserva do Paiva pretende ser no futuro um complexo residencial, hoteleiro, de lazer e turismo, tendo projetado ainda um centro comercial e empresarial, além de uma escola. Os investidores almejam ainda que o empreendimento seja um diferencial de hospedagem para participantes da Copa de 2014. Recife é uma das cidades que sediará parte dos jogos. O empreendimento ainda mostra uma preocupação com ações de responsabilidade social. Possui um compromisso formal de sustentabilidade desenvolvido para seus moradores, visitantes, trabalhadores, comunidades da região e todos os parceiros envolvidos. Seu comprometimento com o luxo sustentável está também presente nos detalhes: energia solar e uso de madeira de reflorestamento e certificada. Estão previstos ainda área para captação e reutilização de água da chuva, coleta seletiva de lixo e estação de tratamento de esgoto. Uma recém-construída ponte com pedágio dá acesso a esse verdadeiro oásis, com assistência 24 horas e vigilância eletrônica. “Projetamos um destino residencial e turístico de alto luxo, com infraestrutura e serviços do mais elevado padrão mundial”, diz Ruy Rego, da Odebrecht.

“Durante anos, o turismo foi a principal fonte de renda para o litoral nordestino e a atividade ainda é importante, mas agora podemos notar que o que mais alimenta a sua economia são os negócios: a instalação de novas empresas, o número relevante de executivos e os investimentos em locais como Cabo de Santo Agostinho”, diz Djean Cruz, diretor de incorporação da Odebrecht no Nordeste. Prova desse sucesso é que imobiliárias internacionais já estão de olho no potencial do mercado brasileiro. A britânica Sotheby’s International, renomada casa de leilão de peças raras e corretora focada em imóveis de alto luxo, possui nove unidades na América do Sul, sendo sete delas no Brasil. Duas de suas unidades estão em cidades nordestinas, como Recife e Natal. Também focando o consumidor classe AAA, a americana Christie’s Great Estates elegeu a In’s Brasil, com sede em Fortaleza, como sua filiada no Brasil para atender aos Estados do Ceará, Piauí, Maranhão e Pará e também possui afiliados em outras regiões brasileiras, como a renomada Coelho da Fonseca, em São Paulo, entre outros.

Todas as camadas da população estão tendo aumento na renda, o que possibilita um número maior de moradores da região comprar imóveis como esses. O Brasil está ganhando cada vez mais espaço no segmento de luxo, expandindo-se para diversas regiões do País. “O momento expansionista é irreversível. Como parte de um mundo globalizado, o consumo e as operações de luxo não estarão mais apenas em São Paulo e Rio de Janeiro”, diz Carlos Ferreirinha, presidente da MCF Consultoria e Conhecimento. De acordo com Peter Turtzo, vice-presidente internacional da Sotheby’s International Realty, o Brasil é hoje a região com maior oportunidade do setor.

Artigo publicado no site Gestão do Luxo da FAAP 

Carros de Luxo, Mercado de Luxo, Negócios do Luxo

O luxo arrojado da Mercedes-Benz modelo CLS 350 2011

Por Ricardo Ojeda Marins

Os apaixonados por automóveis de luxo sabiam que o novo modelo CLS 350 da Mercedes-Benz está pra chegar. E já foram publicadas imagens dessa nova criação da prestigiosa marca alemã. Com lançamento oficial no Paris Motor Show 2010, que ocorrerá durante o período de 02 a 17 de Outubro próximo, o novo modelo coupé 4 portas acaba de ser mostrado ao mundo e promete atrair o desejo de muitos consumidores.

Inicialmente lançado em 2004, o CLS fez tanto sucesso que abriu caminho para um novo segmento de carro. O resultado o novo CLS 2011 chegando para concorrer com outros carros de alto luxo, como Porsche PanameraAston Martin Rapide e Audi A7. A segunda geração do modelo CLS chega agora com aperfeiçoamentos técnicos e estéticos. Puro luxo contemporâneo!

O novo modelo foi fortemente inspirado no conceito shooting brake que a Mercedes vem exibindo no salão do automóvel ao redor do mundo. O estilo do coupé de quatro portas clássico agora é mais arrojado, porém não menos luxuoso. Ele ganhou novo pára-choque dianteiro com luzes de neblina produzidas por LEDs, teve seu conjunto ótico totalmente modificado e apresenta iluminação por projetores, além das luzes de circulação diurna em LED. Na parte traseira, todas as funções de iluminação são emitidas por LEDs. As laterais, antes lisas, agora receberam vincos acentuados, acompanhando a tendência de toda a linha 2011 da marca.

O novo modelo da Mercedes-Benz também teve modificações na parte interna. A tela do computador saiu do console para a parte superior do painel, ficando no mesmo nível do painel de instrumentos. O luxuoso acabamento pode customizado com madeiras nobres, carbono ou black piano. A Mercedes CLS 350 estará disponível com opções de motores V6 e V8, além de uma versão mais esportiva desenvolvida pela AMG.

Casa e Decoração, Luxo no Brasil, Mercado de Luxo, Negócios do Luxo

Missoni Home abre sua primeira loja em São Paulo

Por Ricardo Ojeda Marins

Já reconhecida e admirada no mundo da moda, a marca Missoni também atua no segmento de casa e decoração, com produtos como sofás, tapetes, cortinas, roupas de cama, sempre com seu estilo marcante, grafismos, ilustrações e muitas cores. A grife italiana que já está presente nos shoppings Iguatemi São Paulo e Iguatemi Brasília com suas coleções de moda masculina e feminina, prestigia agora a cidade de São Paulo ao inaugurar sua primeira loja de homeware na América Latina.

Localizada no luxuoso e tranqüilo bairro da Vila Nova Conceição, a loja foi inaugurada há alguns dias e contou com a presença de Christopher Philips, diretor da Missoni Home para as Américas e renomados arquitetos, decoradores e empresários do segmento. A nova loja tem 400 metros quadrados dedicados à linha casa, com móveis para área interna e externa, roupas de cama, mesa, banho, louças e vários objetos de decoração, tudo com o estilo inconfundível da Missoni. Todas as peças são trazidas da Itália. A coleção exposta aqui e os lançamentos ocorrem simultaneamente com as demais lojas do exterior. É uma ótima opção para quem gosta de viver em um ambiente colorido e moderno.

Fundada em 1953 por Ottavio e Rosita Missoni, a Missoni sempre foi muito prestigiada por suas coleções, desenvolvidas a partir de malhas de altíssima qualidade e cores vibrantes. A coleção de homeware nasceu por volta dos anos 80, inicialmente com uma linha de roupas de cama. Depois, foram criados tapetes, tecidos para revestir almofadas e pufes, chegando então aos móveis e outros objetos de decoração.

De acordo com Rosita, as peças da Missoni Home não apenas reproduzem o padrão já consagrado da marca, mas sim refletem seu DNA e a maneira como seus criadores idealizam o morar.

A grife promete para outubro deste ano um workshop no Brasil apresentando o conceito da coleção 2011, que será lançada no mês de janeiro, em Paris.

Alimentos e Bebidas, Luxo no Brasil, Mercado de Luxo, Negócios do Luxo

Chocolates Valrhona: o luxo francês também pode ser apreciado no Brasil

Por Ricardo Ojeda Marins

Berço do luxo, a França é reconhecida por suas criações em diversos segmentos, como moda e acessórios, bebidas e perfumes. Apesar de menos evidente entre suas criações, o chocolate também é um ícone merecedor da apreciação do consumidor com alto nível de exigência. A marca Valrhona, maior fabricante de chocolates premium no mundo, presenteou a cidade de São Paulo com a abertura de sua aconchegante loja. A marca chegou discretamente ao varejo de luxo do Brasil no início de 2010 com um quiosque no Shopping Iguatemi e agora amplia sua presença por aqui com uma loja própria e com um conceito diferente. É sua primeira loja-lounge fora da França. Após algumas experiências com corners em lojas de luxo francesas, como a Galeries Lafayette e a Printemps, a marca escolheu a Alameda Lorena, no coração dos Jardins, para sua loja-conceito.

Os chocolates Valrhona, como os melhores vinhos, são fabricados com um blend de diversos tipos de cacau cultivados em diferentes regiões do mundo, o que confere a cada tablete um sabor único e excepcional. A nova loja propõe a harmonização de seus chocolates com café, chá, vinhos e sobremesas apreciadíssimas, trazendo ao público brasileiro novo conceito de sabor e novas maneiras de apreciar um chocolate gourmet. Bem distantes das variedades comuns de chocolate, que contém grande quantidade de gordura hidrogenada e açúcar, o chocolate gourmet é menos doce, muito mais saboroso e benéfico à saúde.

A carta de cafés da casa foi criada pelo Octávio Café, com cinco opções de harmonização com chocolates, além de cappuccinos e outras bebidas feitas com os produtos Valrhona. Já a carta de chás, criada exclusivamente pela A Loja do Chá, contempla oito opções de harmonizações com diversos tipos de chocolates. O chocolate lounge também terá uma linha de sorvetes e sobremesas exclusivas feitas com os produtos da marca francesa.

Além da excelência em seus produtos, a marca prima também pela alta qualidade de seus serviços. A elegante loja conta com um staff bilíngüe e muito bem treinado para explicar aos clientes detalhes de toda sua linha de produção, bem como das melhores combinações entre chocolates e bebidas. Há duas áreas mais reservadas com poltronas e cadeiras confortáveis, próprias para conversas e até mesmo reuniões mais relaxadas e informais. A loja conta ainda com acesso WiFi. Além de deleitar-se com essas verdadeiras joias comestíveis, pode-se encontrar a linha de 25 tipos de bombons vendidos a granel, com sabores refinados como mousse de pêra, limão e tiramissu, ou recheados com frutas, nozes e frutas secas.

Fundada em 1922, a Valrhona é protagonista de uma longa história de sabor. Reconhecida pelos maiores profissionais como criadora e expert em chocolates finos, Valrhona conquistou o mundo dos gourmets, convidando-os a descobrir sensações inéditas e requintadas. Presente em diversos países do mundo e com sede no vale do Rio Rhône, ao sul da cidade de Lyon, na França, a grife é atualmente uma das líderes mundiais de produção de chocolate de alta qualidade, mantendo a Ecole du Grand Chocolat, escola para profissionais centrada no ensido da culinária e doçaria com chocolate.

Vale a pena também uma visita à loja online da marca: http://www.valrhona-chocolate.com/

O Chocolate Lounge da Valrhona fica na Alameda Lorena, 1818 – São Paulo – SP (Fone +55 11 3068-8899)

Hotéis de Luxo, Mercado de Luxo, Negócios do Luxo, Serviços de Luxo, Viagens e Turismo

Marina Bay Sands: o alto luxo da hotelaria em Cingapura

Por Ricardo Ojeda Marins

Os apaixonados por viagens e turismo tem agora um novo destino para sua próxima aventura. Aventura de alto luxo, é claro. O Marina Bay Sands, em Cingapura. Como já esperado por hóspedes classe AAA, o luxuoso resort oferece quartos confortáveis, spa relaxante, concierge, atrações noturnas, restaurantes, arte moderna na decoração, bares e um cassino luxuoso. Mas o diferencial do Marina Bay Sands é realmente a sua piscina.

Localizada na cobertura do hotel, no 55º andar, esta é a maior piscina ao ar livre do mundo. Nada menos do que 150 metros de comprimento, dando a impressão de extravasar o horizonte. Seu conceito foi inspirado na construção de arrozais em terraços em Bali. As imagens da piscina, que tem três vezes as dimensões de uma piscina olímpica, chegam a impressionar.

O luxuoso e gigantesco hotel, que domina o horizonte de Cingapura, tem cerca de 2.500 quartos e suítes, restaurantes pilotados por renomados chefs como Guy Savoy e Mario Batali, teatros, um museu, um cassino e um pavilhão de cristal que abriga marcas de prestígio como Salvatore Ferragamo, Max Mara, restaurantes e ala de serviços. Ainda em 2010, marcas como Fendi, Chanel, La Perla e Emporio Armani também completarão o luxuoso e enorme espaço de compras do complexo hoteleiro. O Marina Bay Sands está representando crescimento para o turismo na cidade.

“Estamos comprometidos em oferecer o melhor de Cingapura – as melhores marcas e serviços extraordinários”, diz Thomas Arasi, CEO do Marina Bay Sands. O resort emprega 10 mil pessoas diretamente. Apenas o cassino do local é responsável por uma média de 25 mil visitas diárias, desde sua abertura há três meses.

Mercado de Luxo, Negócios do Luxo, Varejo de Luxo

Drogaria Iguatemi é reinaugurada com conceito de boutique de bem-estar

Por Ricardo Ojeda Marins

Com nada menos que 40 anos de existência, a Drogaria Iguatemi inova mais uma vez com um conceito de boutique de bem-estar em sua loja do Shopping Iguatemi São Paulo, um dos endereços mais elegantes e sofisticados da cidade. A loja, reinaugurada na semana passada, passou por uma completa reestruturação, cujo objetivo foi transformar o local em um espaço único voltado à beleza, à saúde e ao bem-estar de seus clientes, seguindo o objetivo da empresa desde a sua criação: proporcionar um novo conceito de farmácia tornando possível, a venda de medicamentos, cosméticos e perfumaria num ambiente aconchegante e de maneira diferenciada.

A agência européia Bloom Consulting, com sede em Madrid e especialista em estratégias de fortalecimento de marca, foi responsável pela nova identidade visual da Drogaria Iguatemi. A idéia do projeto foi concebida para agregar à comunicação conceitos como luxo, versatilidade, dinamismo, beleza e bem-estar, valores já incorporados à imagem da empresa. O novo logo mantém as iniciais da rede, mas com um design moderno e sofisticado.

A preocupação da empresa vai muito além de um espaço físico luxuoso. Há o compromisso de garantir um atendimento personalizado, através de uma equipe de profissionais composta por farmacêuticos, consultoras e maquiadores treinados para prestar um ótimo atendimento. “Somos responsáveis por constantemente identificar, validar e promover as melhores tendências e soluções relacionadas a bem-estar. Nossas consultoras de vendas entendem as necessidades do nosso cliente e sempre estão prontas para apresentar as novidades, de acordo com recomendações dermatológicas e de especialistas das marcas”, diz Leonardo Diniz Jorge, diretor da empresa. São mais de 2 mil lançamentos ao ano que vão de produtos do cotidiano aos mais raros e sofisticados.

Após a grande reforma que envolveu um investimento aproximado de R$ 1 milhão, o espaço conta com piso de mármore e fibra de vidro, um lustre com 4.500 cristais importados da Áustria, além de mobília confeccionada para facilitar ainda mais a localização e a acessibilidade dos produtos.

A nova loja chega com um aumento criterioso em seu mix de produtos com 20 novas marcas, como L’Occitane, esmaltes Orly, linha capilar J.F. Lazartigue e a grife de maquiagem inglesa Eyeko.

Além da loja-conceito, a Drogaria Iguatemi também está presente nos shoppings Market Place e Iguatemi Campinas, e negocia para 2011 a abertura de mais três lojas. Uma delas será localizada no Shopping Iguatemi Alphaville, estando as outras ainda em planejamento. Para este ano, a rede espera crescer 25% em vendas.

Fechar